“Taca a bebida, depois taca a pica e abandona na rua”. Esse é o refrão do funk ‘Surubinha de Leve’, alvo de protesto nas redes sociais. Postagem feita pela paraibana Yasmin Formiga contra a música, que faz apologia ao estupro, viralizou nas redes sociais e já tem quase 120 mil compartilhamentos.

“Não tem mais pra que “aceitar” músicas que nos diminuem diariamente, passou do tempo de naturalizar esse tipo de coisa. Lutem, mulheres! Nós temos o poder da revolução! Obrigada por estarem ao meu lado, vocês não tem ideia de como isso é gratificante”, comentou a estudante em suas redes sociais.

O funk é cotado como um dos possíveis hits do carnaval e causou revolta por ter uma letra misógina. O funk do MC Diguinho ganhou destaque por alcançar o primeiro lugar na lista ‘As virais 50 do Brasil’ (um das mais importantes da plataforma de streaming Spotify). No Youtube já são mais de 14 milhões de visualizações.

Na postagem, Yasmin Formiga recebeu o apoio de várias pessoas que repudiaram o funk.

MaisPB