O governador Ricardo Coutinho (PSB) declarou, nesta segunda-feira (PSB), que o seu grupo político está aberto às legendas que queiram somar com seu projeto político e com a candidatura de João Azevêdo em 2018.

Entretanto, segundo o chefe do Executivo Estadual, ele não vai transformar a política em “arranjo” das elites e que vá de encontro com os interesses do povo.

“Você não pode transformar a política em um arranjo das elites. Aliança você pode fazer ou não fazer. Agora você não pode fazer da política  um conluio das elites para que o povo sustente pessoas que não tem absolutamente nenhum programa. No caso da Paraíba, eu acho que é salutar a definição de posturas, de ideias e ações. Eu represento um projeto e que será representado por outro, que é João Azevêdo (PSB). Temos um bloco e quem quiser somar com esse programa nós haveremos de querer também. Agora é fundamental que se explicite na conversa porque senão é cambalacho contra o povo”, alegou.

Roberto Targino e Albemar Santos – MaisPB