Os deputados federais votaram na noite desta quarta-feira (2), pela rejeição do andamento das investigações contra o presidente Michel Temer  no Supremo Tribunal Federal (STF). Os governistas  conseguiram os 263 votos favoráveis para que o presidente não fosse  investigado no Caso JBS. Já 227 votaram para que as investigações continuassem.

A Lei determina que para a investigação prosseguir seria necessário 2/3 dos votos dos deputados para que a matéria seguisse para o STF.

MaisPB